Shirley Temple o Diamante da Depressão

A menina que se converteria na maior estrela mundial nasceu em 23 de abril de 1928 em Santa Monica, Califórnia. Seu pai George Temple trabalhava em um banco e sua mãe Gertrude Temple era uma dona de casa que havia sonhado em ser bailarina, apesar de já ter dois filhos foi a pequena Shirley que passou a ser a ambição artística de sua mãe.

Shirley Temple o diamante da esperança!

Shirley Temple
Shirley Temple

Suas canções e suas danças fizeram com que milhões de americanos se sentissem orgulhosos, havia algo mágico na pequena garota que desde cedo conquistou a nação, era indomável, carinhosa e brilhante! A pequena Shirley sabia o que fazia a cada momento durante suas interpretações.

A pequena grande estrela, foi um diamante em meio a Grande Depressão, um simbolo de esperança em meio as dificuldades do momento, quando cresceu seu sorriso e carisma continuou cativando crescentes admiradores.

Ao mesmo tempo que Shirley aprendia a andar os Estados Unidos sofreram um colapso que marcou o inicio da Grande Depressão, da noite para o dia os milionários passaram  a serem pobres, por sorte o emprego de seu pai como diretor de banco mantiveram a família.

Shirley com apenas três anos junto com outras crianças entrou na escola de baile “Ethel Meglin Studios” e por ali a cada uma semana ou quinze dias passava um caça talento no qual observava todas as crianças e as utilizava em alguns filmes.

Shirley Temple
Shirley Temple

Shirley foi contratada para atuar em seu primeiro filme de curta metragem chamado “Baby Burlesk” eram parodias onde as crianças interpretavam personagens adultos com um ligeiro toque sexy onde a estrela participava com vestidos provocativos.

Quando muitos americanos se esforçavam para ganhar 10 centavos a pequena Shirley recebia generosos 10 dólares por semana por suas atuações. Mas seu estúdio faliu em 1933 e Shirley ficou sem trabalhar, sua mãe inconformada foi atras dos estúdios de Hollywood e agentes.

[products ids=”6923, 6858, 6856, 6850, 7058″]

Foi então que o Fox Hill Studio procurava uma criança para um papel musical, Gertrude conseguiu uma prova para Shirley, eles adoraram sua espontaneidade e ofereceram 50 dólares por semana. Shirley era fantástica recordava todos os textos, era otimistas e esbanjava felicidade e naquela época durante a depressão as famílias passavam muitas dificuldades com grandes apuros para criarem seus filhos e Shirley representava tudo o que eles desejavam para os próprios filhos!

Shirley cativou o publico com o seu talento e com seis anos de idade já havia feito mais de 20 filmes, ela havia se convertido em uma estrela. Gertrude focada em fazer da filha uma estrela levou-a  aos Estudios Paramount onde passou nos testes facilmente e deixou a todos boquiabertos, e ofereceram a Fox a quantia de 55 mil dolares pelo contrato de Shirley, mas os executivos da Fox não aceitaram por terem grandes planos com a garotinha.

Shirley Temple
Shirley Temple

Shirley contracenou com James Dunn em “Baby take a bow” mas diferente de outros filmes em que Shirley já havia participado este foi escrito especialmente para a estrela mirim era um filme na medida do seu talento e encanto!

  • Baby Take a Bow
https://www.youtube.com/watch?v=SRws_4Inqfc

Com seis anos a Fox renegociou o seu contrato e elevou seu salário a generosos 1.000 dólares semanais. Shirley passou a ser uma das artistas mais bem pagas de Hollywood, ela assumiu seu papel com maturidade e um estilo poucas vezes vistos em grandes estrelas adultas com mais experiencias!

Shirley foi convidada a deixar seus pés e mãos em frente ao Teatro Chines na famosa calçada da fama em Hollywood e a garotinha disse que não queria deixar só as marcar dos sapatos e colocou seus pés desnudos diretamente no cimento ao lado de suas mãos!

[products ids=”6124, 6122, 6121, 6118″]

Em 1934 a Fox aproveitou o embalo do sucesso de Babe Take a Bow e lançou imediatamente a estrela em “Bright Eyes“, onde Shirley demonstrou nitidamente que tinha capacidade de construir um personagem multidimensional, onde perdia seus pais em um acidente tornando-se uma pobre menina abandonada e o filme serviu para apresentar o que se converteria em sua canção emblemática “On The Good Ship Lollipop” o que foi um sucesso imediato onde meio milhão de pessoas compraram uma copia da partitura.

Shirley Temple Diamante Azul
Shirley Temple Premiação do Oscar

Em menos de um mês o filme já havia se pago e todos sabiam a quem atribuir o exito! Em 1934 Shirley Temple ganhou da Academia de Filmes o troféu do Oscar.

  • Bright Eyes

Em 1935 em “The Little Colonel” Shirley contracenou com o lendário Bill “Bojangles” Robinson, foi uma das cenas mais marcantes e assistidas da historia do cinema! Shirley aprendia os passos apenas ao escutar o som dos sapatos.

  • The Litlle Colonel 

A pequena menina prodígio convertia em ouro tudo o que tocava, Shirley era considerada uma pequena mina de ouro! Ao contracenar com Bill Robinson, Shirley quebrou mais um dos fortes tabus, o toque a  uma pessoa negra era algo insólito para a época.

Shirley recebeu elogios até do presidente Roosevelt, pelo seu otimismo contagioso!

Com apenas 7 anos era uma das personalidades mas bem paga e popular do mundo. Ela fez anúncios da General Eletric, cereais Quaker, motorcars, havia tudo a respeito de Shirley Temple, vestidos, sapatos, bonecas, produtos de todos os tamanhos e formas considerado a época da “Shirley Mania” a princesinha da América.

Shirley Temple
Shirley Temple

Suas festas de aniversários eram grandes acontecimentos, todas tinham um tema diferente e a 20th Century Fox aproveitava de sua exclusividade para divulga-las! Shirley ganhava muitos presentes de fãs que mal tinham dinheiro para se manterem, os presentes eram todos encaminhados para uma casa de orfanato.

Ao passar do tempo a 20Th Century Fox se preocupava com o fato de Shirley crescer e perder o encanto! Shirley passou a fazer papeis de uma meninas mais nova, ela levava mais de meia vida em frente as câmeras e seus filmes corriam o risco de se tornarem pura nostalgia.

Shirley foi casada aos 17 anos com um nome soldado bonito Jack Agar. Eles tinham uma linda filha chamada Linda Susan. Mas os problemas pessoais de Agar levou-os a se divorciar quatro anos depois. Foi então que Shirley encontrou sua verdadeira alma gêmea, Charles Black, um ex-oficial da Marinha. Eles se casaram em 1950 e tiveram dois filhos, Charlie Jr. e Lori.

Shirley passou a ser um representante dos Estados Unidos nas Nações Unidas, o embaixador dos EUA na República do Gana, a primeira mulher a ser de US chefe do protocolo, durante o governo de Gerald Ford, eo embaixador dos EUA para a Tchecoslováquia.

Shirley escreveu o primeiro volume de sua autobiografia em 1988, intitulado Child Star. Além disso, ela lançou The Shirley Temple Coleção Storybook que contém seus episódios favoritos de conto de fadas de sua série de televisão, The Shirley Temple Show.

Shirley Temple morreu no dia 10 de fevereiro de 2014, em sua casa perto de São Francisco, Califórnia. Ela tinha 85 anos. Em março de 2014, seu atestado indicava a causa do seu óbito como pneumonia e doença pulmonar obstrutiva cronica (DPOC).

Shirley Temple
Shirley Temple

Após sua morte, a família e os cuidadores de Temple divulgaram um comunicado que dizia: “Saudamos-la por uma vida de realizações notáveis como atriz, como diplomata, e mais importante como a nossa querida mãe, avó, bisavó, e adorada esposa de 55 anos”.

Anel de Diamante Azul de Shirley Temple

Aos doze anos de idade, em 1940 em plena Segunda Guerra Mundial, George Temple dá a filha um diamante azul com corte de almofada de 9.54 quilates, durante a estreia do filme “O Pássaro Azul”.

Na época seu pai pagou a quantia de U$7.210 dólares e atualmente o diamante está avaliado entre U$25 U$35 milhões de dólares!

O Anel que pertenceu a ilustre Shirley será leiloado dia 19 de abril de 2016 pela Sotheby´s em Nova York!

Confira um pouco mais desta pequena estrela arrasando no sapateado!

[ux_product_categories number=”10″ parent=”0″ columns=”4″ title=”Semi Joias” ]

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here