Aprenda tudo sobre pedras preciosas e seus significados

As pedras são o ponto de partida para o conceito dos joalheiros. Basta olhar para a riqueza gemológica para ver por quê. A natureza, com sua generosidade inerente, produziu uma variedade fantástica de belas pedras preciosas que são perfeitas para a criação de ornamentos elegantes.

É por isso que são o material criativo básico usado na fabricação de joias desde a antiguidade até os tempos modernos. E assim será – até que os cânones mundiais de beleza mudem; embora dado o brilho, a cor e a importância atribuída aos diamantes, rubis, esmeraldas e safiras, isso nunca acontecerá.

Cada uma das pedras tem sua própria origem específica, propriedades únicas e caráter único. Um joalheiro experiente, mestre no seu ramo, é capaz de destacar as habilidades e as qualidades de uma pedra preciosa, seja com um corte preciso, garantindo o jogo de luz ideal, ou com uma peça bem elaborada.

É graças aos inesgotáveis ​​meios de expressão e, sobretudo, às pedras preciosas cuidadosamente selecionadas que podemos desfrutar das joias Waufen.

Pedras preciosas: o que são?

pedras preciosas
Crédito: Freepik

O que exatamente são pedras preciosas? Como elas são feitos? Qual é a sua singularidade e por que se tornaram um sinônimo valioso de beleza?

Vamos fazer uma pequena viagem ao mundo dos minerais, onde um brilho deslumbrante se esconde em pedras que parecem bastante comuns à primeira vista.

4.000 MINERAIS NA TERRA

Existem mais de 4.000 minerais em nosso planeta com diferentes propriedades, composição química e estrutura. As próprias rochas são formadas por grupos ou misturas de minerais, afetando o relevo e a presença de raros recursos naturais como mármore, granito, ferro ou ouro.

Há muito se descobriu que certos minerais, quando polidos, adquirem um brilho extraordinário e se distinguem por qualidades únicas que passaram a ter um significado simbólico. Com o tempo, esses minerais passaram a ser chamados de pedras preciosas, e esse nome adequado sobreviveu até nossos dias.

Características

pedras preciosas
Crédito: Freepik

Antes de falarmos sobre o significado simbólico das pedras e o poder atribuído a elas, vale a pena mencionar as características mais importantes desses minerais.

As pedras preciosas do Brasil são distinguidas por:

  • Alto brilho, que na maioria das vezes é realçado apenas após o corte de uma joia – o reflexo da luz na pedra determina, por exemplo, o brilho do diamante, a intensidade da cor esmeralda ou o “fogo” rubi;
  • Ocorrência rara na natureza;
  • Limpeza;
  • Dureza e alta resistência a altas temperaturas e danos mecânicos;
  • Diversas características individuais, como cor ou tonalidade.

Pedras preciosas do Brasil: Valor

Como é determinado o valor das pedras preciosas do Brasil e o que influencia seu preço?

Os fatores mais importantes que determinam o valor são a raridade, a limpeza e a cor da pedra, o formato da superfície (por exemplo, ardósia ou casca), o tamanho e o peso. Vale ressaltar que a unidade utilizada para determinar o peso de uma pedra é o quilate (1 ct = 200 mg).

Determina-se o preço de venda das pedras preciosas não só pelas qualidades naturais do mineral, mas também pelo domínio do corte.

Pedras semi preciosas e preciosas – diferenças

Qual é a diferença entre pedras preciosas e semipreciosas? Em primeiro lugar, o brilho e a frequência de ocorrência na natureza.

Como o nome sugere, as pedras preciosas são variedades raras de minerais cuja família é relativamente pequena. Claro, isso não significa que toda pedra seja uma obra-prima da Mãe Natureza, pois entre esses minerais a diversidade qualitativa é muito grande.

As pedras semi preciosasocorrem com muito mais frequência na natureza, o que significa que perdem sua exclusividade única. Uma característica diferenciadora importante também é a dureza.

Pedras semi preciosas nomes

Entre as pedras semipreciosas, muitos grupos se distinguem, mas os mais comumente usados ​​incluem:

  • Minerais transparentes e opacos: por exemplo, quartzo, ametista, ágata ou ônix;
  • Pedras ornamentais, como coral, mármore e alabastro.

Cores de pedras preciosas

A Mãe Natureza nos deu pedras preciosas que vêm em todas as cores do arco-íris em uma riqueza de tons que podem deixar você tonto. Assim, as cores cintilantes e a luz refletida na estrutura de pedra revelam cores que nunca sonhamos. 

As pedras preciosas nos fazem perceber que existem tons de cores incomuns além do horizonte de nossa imaginação. Assim, basta olhar para o brilho dos diamantes para perceber que a luz é a maior artista de todos os tempos. 

Olhando para a safira, você descobrirá que o azul vem em inúmeros tons de azul, azul marinho ou água-marinha.

Aqui está o catálogo básico de cores de pedras precisoas:

  • Pedras vermelhas , por exemplo, rubi, granada, rodolita, coral, turmalina – simbolizam amor, coragem e autoconfiança, bem como temperamento animado.
  • Azuis, por exemplo, safira azul, topázio, água-marinha, diamante azul, turquesa- a cor do céu sem fim e as profundezas dos oceanos simbolizam paz, verdade e juventude.
  • Pedras verdes, por exemplo, esmeralda, peridoto, safira verde – a cor da esperança eterna, simboliza bem-aventurança, bondade, vitalidade e fertilidade.
  • Pedras amarelas, por exemplo, limão, safira amarela, topázio amarelo – a cor da sabedoria, felicidade e disposição alegre. Um símbolo de autoconfiança e capacidade de tomar as decisões certas.
  • Pedras preciosas brancas e transparentes, por exemplo, diamante, safira branca, pérola – a cor da pureza, fidelidade, inocência e a promessa de felicidade. Um símbolo da perfeita harmonia entre alma e corpo.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here